Em formação

Hérnia de disco em cães

Hérnia de disco em cães


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Hérnia de disco em cães

Uma hérnia de disco em um cão pode ser um problema sério. No entanto, geralmente é tratável com a abordagem certa e, na maioria dos casos, os cães com esses problemas podem viver uma vida plena com a ajuda de um especialista em saúde veterinária qualificado.

Embora a hérnia de disco seja bastante comum em pessoas e os cães sejam freqüentemente afetados de forma semelhante, também é importante observar que, embora a hérnia de disco em pessoas muitas vezes cause dor, o problema do disco pode na verdade tornar um cão mais sujeito a uma condição dolorosa chamada doença do disco intervertebral lombar (LIVD). A hérnia de disco em cães pode não ser tão tratável quanto em pessoas e, embora existam alguns casos em que um animal de estimação pode sentir dor com atividades ou exercícios limitados, o problema em muitos cães simplesmente desaparece com o tempo.

Os seguintes fatos sobre a hérnia de disco podem ajudar a explicar mais sobre esta condição:

O que é uma hérnia de disco?

A hérnia ocorre quando uma seção do disco intervertebral, que é uma almofada fina de cartilagem fibrosa resistente que mantém os ossos no lugar e os protege de serem esmagados ou feridos durante o movimento, torna-se fina, entortada ou saliente. A condição é mais comum em cães do que em pessoas porque os ossos da coluna vertebral em cães são mais curtos e geralmente um pouco mais largos em suas bases, e é a pressão que se acumula a partir do corpo de um cão movendo-se através da almofada do disco que normalmente o faz entrar em um estado de hérnia.

A hérnia de disco é uma condição genética ou hereditária?

Cães com hérnia de disco são, na verdade, mais suscetíveis a essa condição do que a maioria das pessoas por causa de sua anatomia. No entanto, não se sabe se a hérnia de disco em cães resulta ou não de fatores hereditários, como tendência à artrite ou predisposição genética para essa condição.

Embora a hérnia de disco em cães seja mais comumente encontrada em cães mais velhos, a condição é às vezes encontrada em cães mais jovens que foram diagnosticados com outras lesões espinhais mais óbvias e, posteriormente, descobriu-se que tinham hérnia de disco que poderia ter causado dor ou paralisia.

O que causa a hérnia de disco em cães?

Vários fatores podem causar hérnia de disco em cães, incluindo alterações no crescimento ósseo ou outros fatores estruturais que podem aumentar a pressão dentro do disco, como a formação de osteófitos (protuberâncias de osso que se formam na superfície de um osso que são mais comum em raças maiores), ou crescimento excessivo do tecido conjuntivo (tecido cicatricial) que aumentaria a espessura do disco e também tornaria mais provável que uma lesão ou outra mudança estrutural o fizesse projetar para fora.

A hérnia de disco pode ser hereditária?

A evidência mostra que os fatores hereditários geralmente não são a causa da hérnia de disco em cães, embora cães que descendem de raças com maior probabilidade de desenvolver essa condição do que outros cães possam ter.

A hérnia de disco é perigosa?

Os cães com hérnia de disco geralmente não têm dor e podem até andar sem mancar. No entanto, se você suspeitar que seu cão tem essa condição, certifique-se de levá-lo ao veterinário o mais rápido possível para uma avaliação diagnóstica. A hérnia de disco pode causar problemas neurológicos, que podem fazer com que o cão sinta dor e desconforto.

Os sinais de que seu cão pode ter hérnia de disco podem ser sutis. Se o seu cão está sentindo dores nas articulações, você pode notar que ele está mancando ou usando as patas traseiras mais do que as anteriores ao caminhar ou correr. Também é comum que os cães com hérnia de disco fiquem rígidos ou com dor no pescoço. Os cães com hérnia de disco também podem ter problemas para urinar ou defecar.

Se seu cão foi diagnosticado com hérnia de disco, seu veterinário pode recomendar uma cirurgia para remover a parte herniada do disco para aliviar a dor.

A hérnia de disco requer cirurgia?

Muitos cães com hérnia de disco não requerem cirurgia, mas você deve consultar o seu veterinário se estiver preocupado que seu cão possa ter essa condição. Seu veterinário vai querer examinar seu cão minuciosamente e determinar qual tratamento médico ele pode precisar, se houver. Às vezes, os médicos recomendam que seu cão use uma coleira especial no pescoço durante o primeiro mês após o tratamento da lesão. Este colar fornece suporte para a área ferida para evitar que qualquer dano adicional do disco hérnia ou protuberância novamente.

Seu cão pode ser esterilizado para evitar mais hérnia de disco?

Muitos especialistas veterinários dizem que castrar seu cão, se ele tiver uma predisposição hereditária à hérnia de disco, irá proteger o cão de desenvolver essa condição. No entanto, um número crescente de veterinários discorda e afirma que esterilizar um cão não previne a hérnia de disco e que o procedimento não deve ser realizado.

Há um novo estudo que mostra que as cadelas podem engravidar de filhotes que são geneticamente idênticos aos filhotes de sua ninhada de nascimento. Os filhotes são chamados de "ninhadas" de filhotes. Esses estudos foram feitos em cães por cerca de 20 anos.

Os cães neste experimento foram chamados de cães de raça pura e todos eram cães machos. Eles foram selecionados para o estudo por causa de sua habilidade de procriar. Um geneticista então criou esses cães juntos para que o estudo tivesse filhotes geneticamente semelhantes aos filhotes de sua ninhada de nascimento.

Qual é o principal achado deste estudo?

Para ser mais preciso, estamos examinando a questão de saber se um cão cruzará com os filhotes de sua ninhada de nascimento ou se cruzará com os filhotes de sua ninhada nascidos de duas fêmeas diferentes.

A principal descoberta do estudo é que não importa se os filhotes da ninhada de nascimento e os nascidos de duas fêmeas diferentes eram iguais ou diferentes. Os cães ainda terão filhotes geneticamente semelhantes aos filhotes de sua ninhada de nascimento.

O que este estudo sugere?

Este estudo sugere que um cão pode ser muito, muito semelhante geneticamente à sua ninhada e aos filhotes da ninhada.

Este estudo também sugere que a identidade genética de um cão é muito, muito importante em termos de seu comportamento e sua capacidade de ser um bom animal de estimação. Este estudo foi feito para investigar se algum cão macho, selecionado por ter uma boa personalidade canina, irá cruzar com filhotes em sua ninhada de nascimento. O resultado deste estudo é que a personalidade de um cão não é tão importante em termos de comportamento reprodutivo.

O que devo entender com este estudo?

Este estudo sugere que é possível para um cão cruzar com filhotes em sua ninhada de nascimento ou com filhotes nascidos de duas fêmeas diferentes.

Este estudo também sugere que o fato de os cães se reproduzirem ou não com filhotes em sua ninhada de nascimento não afeta o comportamento de um cão.

Os resultados deste estudo, porém, não devem surpreender ninguém. Sabemos que se você cruzar com uma ninhada de filhotes e eles forem selecionados por algum tipo de qualidade (por exemplo, personalidade, aparência, saúde, etc.), eles provavelmente continuarão a se reproduzir.

Este estudo também sugere que, quando há uma identidade genética com os filhotes nascidos da ninhada, os cães se reproduzem. Os filhotes nascidos de duas fêmeas diferentes produzirão filhotes geneticamente semelhantes aos filhotes da ninhada de nascimento.

Compreender a criação de cães é essencial para entender como treinar, se comunicar e viver com um cão. É um dos componentes mais importantes da propriedade de um cão. Você não pode simplesmente comprar um cachorro e esperar que ele entenda o que você quer e precisa dele.

Se você pensar bem, os humanos podem ser da mesma forma. Pessoas com boa educação geralmente tendem a ter personalidades melhores,


Assista o vídeo: Diskusprolaps hos hunde - massage (Pode 2022).

Video, Sitemap-Video, Sitemap-Videos